Assuntos estratégicos de Segurança e Defesa
Avatar image

Major-general

Adelino de Matos Coelho

Habilitado com os Cursos de Infantaria, da Academia Militar, Geral de Comando e Estado-Maior e Superior de Comando e Direção, do Instituto de Altos Estudos Militares; possui outros Cursos de que se destacam o de Oficial de Informação Pública do Comando Aliado da Europa da OTAN (Bélgica), o Curso Militar de Direito Internacional dos Conflitos Armados, do Instituto de Direito Humanitário de Sanremo (Itália) e o Diploma de Pós-Graduação em Estudos Europeus da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Ao longo da sua carreira, prestou serviço em várias Unidades e Órgãos do Exército, nomeadamente, no Regimento de Infantaria de nº 3, em Beja, que comandou, e no Estado-Maior do Exército, onde desempenhou o cargo de Chefe da Divisão de Pessoal. Além disso, também desempenhou carg

Última atualização em 0000-00-00

Habilitado com os Cursos de Infantaria, da Academia Militar, Geral de Comando e Estado-Maior e Superior de Comando e Direção, do Instituto de Altos Estudos Militares; possui outros Cursos de que se destacam o de Oficial de Informação Pública do Comando Aliado da Europa da OTAN (Bélgica), o Curso Militar de Direito Internacional dos Conflitos Armados, do Instituto de Direito Humanitário de Sanremo (Itália) e o Diploma de Pós-Graduação em Estudos Europeus da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Ao longo da sua carreira, prestou serviço em várias Unidades e Órgãos do Exército, nomeadamente, no Regimento de Infantaria de nº 3, em Beja, que comandou, e no Estado-Maior do Exército, onde desempenhou o cargo de Chefe da Divisão de Pessoal. Além disso, também desempenhou cargos na Divisão de Informação e Relações Públicas do Estado-Maior-General das Forças Armadas e do Ministério da Defesa Nacional, no Gabinete do Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas e no Gabinete do Chefe do Estado-Maior do Exército.

Cumpriu uma comissão de serviço em Angola, no ano de 1975.

De julho de 2003 a outubro de 2005, foi Comandante da Zona Militar dos Açores, após o que preencheu, sucessivamente, os cargos de Director da Direcção de Justiça e Disciplina, de Inspetor-adjunto, na Inspeção-geral do Exército e de Diretor da Direção de História e Cultura Militar do Exército.

É Sócio Efetivo da Revista Militar, integrando a atual Direção.

Tem participado em Encontros, Colóquios e Congressos e publicado trabalhos nas áreas da História Militar, da preservação e conservação do património e do Direito Internacional dos Conflitos Armados.

É Académico Honorário da Academia Portuguesa da História.

É investigador convidado no Grupo de Investigação de História Militar e das Relações Internacionais, do Centro de História da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Capa da Revista

Última revista publicada:

Nº 2579 - Dezembro de 2016

Avatar image
Capa da Revista

Assinaturas anuais

REVISTA MILITAR @ 2017
by CMG Armando Dias Correia