Assuntos estratégicos de Segurança e Defesa
Avatar image

General

Gabriel Augusto do Espírito Santo

Nasceu em Bragança em 8 de Outubro de 1935.

É General do Exército, na situação de Reforma desde o ano 2000, depois de ter servido nas Forças Armadas Portuguesas durante 49 anos.

Além de Tirocínios e Estágios na sua Arma de origem possui os Cursos da Escola do Exército (Artilharia), Curso Complementar de Estado-Maior e Curso Superior de Comando e Direcção (Instituto de Altos Estudos Militares), Curso de Comando e Estado-Maior (Brasil) e o Curso do Colégio de Defesa Nato (Roma).

Desempenhou na sua carreira funções de Comando, Instruç&a

Última atualização em 0000-00-00

Nasceu em Bragança em 8 de Outubro de 1935.

É General do Exército, na situação de Reforma desde o ano 2000, depois de ter servido nas Forças Armadas Portuguesas durante 49 anos.

Além de Tirocínios e Estágios na sua Arma de origem possui os Cursos da Escola do Exército (Artilharia), Curso Complementar de Estado-Maior e Curso Superior de Comando e Direcção (Instituto de Altos Estudos Militares), Curso de Comando e Estado-Maior (Brasil) e o Curso do Colégio de Defesa Nato (Roma).

Desempenhou na sua carreira funções de Comando, Instrução, Ensino, Estado-Maior e Administração.

Em campanha, como Capitão, foi Comandante de uma Bateria de Artilharia de Campanha, em operações no Norte de Moçambique, de 1963 a 1965 e como Major, Chefe da Secção de Operações Psicológicas e Assuntos Civis, no Comando da Zona Militar Leste, em Angola, de 1971 a 1973.

Foi Segundo-comandante da Escola Prática de Artilharia, Comandante do Centro de Instrução de Artilharia Antiaérea e, como General, desempenhou as funções de Chefe de Gabinete do General Chefe do Estado-Maior do Exército, Representante Militar Permanente de Portugal no Comité Militar da NATO, Quartel Mestre-General do Exército, Vice-Chefe do Estado-Maior do Exército, Chefe do Estado-Maior do Exército e Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas.

É sócio da Academia Portuguesa da História, da Sociedade Portuguesa da Independência de Portugal e da Sociedade de Geografia de Lisboa e foi Presidente da Direção da Revista Militar, entre 2001 e 2010.

Com artigos de especialidade, publicados em algumas Revistas nacionais e estrangeiras, é autor das obras Montes Claros – A vitória decisiva (Tribuna da História), A Campanha da Restauração (Edições Quidnovi), A Grande Estratégia de Portugal na Restauração (Edições Caleidoscópio) e O Combate do Côa (Tribuna da História).

Além de condecorado com as medalhas militares (Medalha de Ouro de Serviços Distintos e Medalha de Prata de Serviços Distintos com Palma), é agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito e a Grã-Cruz da Ordem Militar de Avis.

Capa da Revista

Última revista publicada:

Nº 2589 - Outubro de 2017

Avatar image
Capa da Revista

Assinaturas anuais

REVISTA MILITAR @ 2017
by CMG Armando Dias Correia