Nº 2471 - Dezembro de 2007
2471 - Dezembro de 2007
IN MEMORIAM - Coronel de Artilharia Rui Meira e Cruz
 
No passado mês de Julho faleceu o nosso consócio Coronel Meira e Cruz.
Fora admitido Sócio Efectivo da Revista na Assembleia Geral de 10 de Dezembro de 1996, tendo recebido o número de ordem 249. (...)
Major-general
Eurico António de Carvalho e Mello Sales Grade
EDITORIAL - Os Compromissos são para Cumprir
General
Gabriel Augusto do Espírito Santo
  
O presente número especial da nossa Revista teve uma intenção: tentar evidenciar as relações entre Nação, Estado e Instituição Militar, descrevendo alguns problemas do passado e procurando detectar causas e consequências de falhas actuais nessas relações. Reconhecemos, agradecendo o esforço e o contributo dos nossos sócios, que para a finalidade pretendida algumas análises adicionais seriam úteis e valiosas, ficando por isso a intenção para ser prosseguida no futuro, já que o tema é dinâmico nos seus factores. (...)
Instituição Militar - Alguns Problemas Actuais
General
António Eduardo Queiroz Martins Barrento
 
A Instituição Militar em Portugal tem, ao longo dos tempos, sofrido alterações resultantes de vários factores, como o ambiente político internacional e nacional, o tipo e intensidade das ameaças a que deve fazer face, a tecnologia disponível, a estrutura social do nosso país. Mas ela tem, também, pela exigência das missões que lhe incumbem, mantido o culto de valores que são essenciais para que possa realizar os sacrifícios que se lhe pede, a prontidão das respostas, a eficácia na acção. Isto significa que, devendo dispor de capacidade de adaptação às circunstâncias envolventes, não pode todavia alienar certos princípios e valores, sob pena de se transformar num instru­mento que, para além de caro, é inútil. (...)
O Estado e as Políticas de Defesa
General
José Alberto Loureiro dos Santos
 
Não costuma ser muito eficiente a definição e execução das políticas de defesa pelos responsáveis políticos dos estados democráticos europeus, assoberbados que estão em explorar a agenda mediática ou a tentar neutralizar os seus efeitos, com a finalidade principal e obsessiva de conquistar e/ou manter o poder. Com algumas, raras excepções. Para não destoar da norma que nos tem caracterizado, em todos os aspectos da governação, o nosso país parece destacar-se dos seus parceiros de continente, pelo “esmero” que coloca no grau acentuado de redução desta eficiência, porventura por incompetência ou ignorância, no mínimo por inabilidade. (...)
Nação, Estado e Instituição Militar
General
Gabriel Augusto do Espírito Santo
 
Na História de Portugal, Nação, Estado e Instituição Militar constituem os vértices de um triângulo começado a construir na modernidade da Europa, iniciada pela Paz de Vestefália em 1648, num tempo em que Portugal prosseguia uma Grande Estratégia nessa Europa, visando ter direito a espaço próprio e voz independente do seu vizinho na Península Ibérica, voltando a ser um Reino “com monarca próprio e natural”. Assinado o Tratado de Paz com a Espanha, em 1668, Portugal pode prosseguir o seu caminho na construção ou fortalecimento daqueles vértices, não se afastando muito dos modelos de organização do poder, nas suas componentes cultural, organizativa, do Direito, dos instrumentos militares e do seu interrelacionamento seguidos pela parte ocidental da Europa em que se inseria. (...)
Nação, Estado e Instituição Militar: Um Testemunho
Major-general
João Jorge Botelho Vieira Borges
 
Apesar de exercer actualmente as honrosas funções de comandante do Regimento de Artilharia Antiaérea Nº 1 (RAAA1), e da consequente falta de disponibilidade para a necessária investigação (suporte fundamental de uma escrita cuidada, responsável e consequente), não pude recusar o desafio que me foi lançado pelo General Gabriel Augusto do Espírito Santo, para escrever algumas linhas sobre um tema sempre actual “Nação, Estado e Instituição Militar”. (...)
Comunicação, instrumento decisivo, aos mundos Nação, Estado e Instituição Militar
Coronel
António de Oliveira Pena
 
O artigo procura sensibilizar, militares e civis, envolvidos nas problemá­ticas de Segurança e Defesa e as pessoas, a todos os níveis, interessadas em abordar questões relacionadas com Nação, Estado e Instituição Militar, para considerarem a Comunicação instrumento decisivo para obter sucesso das suas propostas. (...)
CRÓNICAS I - Crónicas Militares Nacionais
Tenente-coronel
Miguel Silva Machado
 
  • Bispo das Forças Armadas e de Segurança com o Papa Bento XVI
  • Comissão de Defesa Nacional altera designação e composição
  • Alteração à lei do serviço militar
  • Portugal reduz substancialmente presença militar no Afeganistão
  • Oficial-General Português assume funções em Cabul
  • GNR envia militares para a Bósnia-Herzegovina
  • Nova lei Orgânica da Guarda Nacional Republicana
  • Ensino Superior Público Militar adapta-se ao “Processo de Bolonha”
  • Exercício “Able Protector 07”: Combate a actividades ilegais no mar
  • Entrevista do Ministro da Defesa Nacional ao semanário “Expresso”
  • Brigada Fiscal da GNR actua no Mediterrâneo
  • Defesa Aérea do Continente e dos Arquipélagos da Madeira e Açores
  • Militar pára-quedista morre no Afeganistão
  • Novo concurso para fornecimento de “Armas Ligeiras”
  • Portugal renova contingente no Líbano
  • Militares portugueses mortos em missões de paz e humanitárias desde 1992
CRÓNICAS II - Crónicas Bibliográficas
 
  • GENERAIS ROMANOS - Os homens que construíram o Império Romano;
  • Armamento do Exército Português - Volume II - Armamento de Artilharia Antiaérea.
General
Gabriel Augusto do Espírito Santo
Coronel
Manuel Carlos Teixeira do Rio Carvalho
Capa da Revista

Última revista publicada:

Nº 2608 - Maio de 2019

Avatar image
Capa da Revista

Assinaturas anuais

REVISTA MILITAR @ 2019
by CMG Armando Dias Correia