Nº 2544 - Janeiro de 2014
Nota da Direcção
General
José Luiz Pinto Ramalho

(…) O século em que vivemos tende, sem dúvida, a consomar o grande pensamento humanitário, que tem por base o predomínio da inteligência sobre a força. (…)

 

(…) Escrevemos somente para aqueles que desejam que tenhamos um exército instruído, e para os que, ainda nos pequenos postos, querem alcançar, facilmente, conhecimentos que contribuam para ocupar algum dia, com honra d’eles e vantagem pública, a elevada posição, a que subirem. Para estes é que vai redigir-se a Revista Militar, fruto das vigílias d’alguns oficiais, que, desejando ser úteis aos seus camaradas, querem também aprender, escrevendo. Oxalá que esta publicação mereça o acolhimento da maioria do exército, e dos homens instruídos dos pais, e que este atrevimento dos poucos anos, que só confia em Deus, e na sua boa vontade, desperte em penas mais hábeis o desejo de se ilustrarem, e de serem úteis a uma classe, que tanto merece da Pátria.

 

António Maria de Fontes Pereira de Mello

Tenente do Real Corpo de Engenheiros

(in Introdução «Revista Militar», nº 1, janeiro de 1849)

 

 

Os parágrafos acima transcritos são da autoria do Tenente António Maria de Fontes Pereira de Mello, fundador da Revista Militar, e constam do primeiro artigo publicado na Revista Militar (RM), a qual tem sido editada ininterruptamente, durante 164 anos, graças aos contributos escritos dos Sócios e de centenas de colaboradores.

Hoje, não se colocam os critérios que, há mais de cento e sessenta anos, subjaziam ao ambiente de instrução do País e que, naturalmente, se refletiam na Instituição Militar. Nas atuais Forças Armadas Portuguesas, os quadros têm formação de excelência e, mesmo, as praças têm uma visão com conhecimento mais abrangente do «mundo». No seu acervo literário, a RM espelha esta evolução.

Por isso, é neste contexto, numa relação de dever de solidariedade para com os que nos antecederam e numa perspetiva de preparar um legado para as gerações futuras que a Direção da RM lança o apelo a contributos dos atuais Sócios para a publicação de artigos de sua autoria, inseridos no quadro editorial (ciências militares, estratégia, defesa nacional, história, relações internacionais, assuntos de natureza militar, …).

Simultaneamente, pede-se aos Sócios a colaboração para, em nome da Direção dirigirem convites a outros investigadores, estudiosos ou outros, para publicarem trabalhos de sua autoria, inseridos no quadro editorial da RM.

Gerar artigo em pdf
2014-06-02
15-16
776
15
Avatar image

General

José Luiz Pinto Ramalho

Nasceu em Sintra, em 21 de Abril de 1947, e entrou na Academia Militar em 6 de Outubro de 1964. 

Em 17 de Dezembro de 2011, terminou o seu mandato de 3+2 anos como Chefe do Estado-Maior do Exército, passando à situação de Reserva.

Em 21 Abril de 2012 passou à situação de reforma.

Atualmente exerce as funções de presidente da Direção da Revista Militar.

REVISTA MILITAR @ 2019
by CMG Armando Dias Correia