Nº 2611/2612 - Agosto/Setembro de 2019
Crónicas Militares
Coronel
Nuno Miguel Pascoal Dias Pereira da Silva

Visita do Presidente da República ao Regimento de Artilharia Antiaérea N.º 1

Em 23 de julho de 2019, o Presidente da República e Comandante Supremo das Forças Armadas, Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, visitou o Regimento de Artilharia Antiaérea N.º 1, acompanhado pelo Ministro da Defesa Nacional, Prof. Doutor João Gomes Cravinho, e pelo Chefe do Estado-Maior do Exército, General José Nunes da Fonseca.

Após as Honras Militares, o Presidente da República assistiu a um “briefing” e visitou uma exposição estática de armamento e equipamento.

 

Visita do Ministro da Defesa Nacional à Força Nacional Destacada na Lituânia

No dia 26 de agosto de 2019, a Força de Fuzileiros e Mergulhadores em missão na Lituânia recebeu a visita do Ministro da Defesa, Prof. Doutor João Gomes Cravinho, acompanhado pelo Chefe do Estado-Maior da Armada, Almirante António Maria Mendes Calado.

Nesta missão, com início a 1 de julho e termo previsto para 30 de setembro, participam 146 militares portugueses (140 fuzileiros e 6 mergulhadores).

 

Comemoração do Dia do Estado-Maior-General das Forças Armadas

O Presidente da República e Comandante Supremo das Forças Armadas, Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, presidiu à Cerimónia Militar comemorativa do Dia do Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA) que decorreu, em Lisboa, no dia 3 de Setembro de 2019.

Após ter sido recebido pelo Ministro da Defesa Nacional (MDN), Prof. Doutor João Gomes Cravinho, e pelo Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA), Almirante António Manuel Fernandes da Silva Ribeiro, e prestadas Honras Militares, com a execução do Hino Nacional e uma Salva de 21 tiros de Artilharia, pelo Regimento de Artilharia Antiaérea N.º 1 (Queluz), o Presidente da República passou revista às Forças em Parada, constituídas por militares dos três ramos das Forças Armadas e da Guarda Nacional Republicana (GNR) e agentes da Unidade Especial de Polícia (UEP) da Polícia de Segurança Pública (PSP).

Após a evocação a Nuno Álvares Pereira, Patrono do EMGFA, e as intervenções do CEMGFA e do MDN, usou da palavra o Presidente da República que, entre outros aspetos, sublinhou que “não basta ter orgulho nas Forças Armadas, é preciso estarmos todos à altura desse orgulho que proclamamos”, e destacou a necessidade de se «proporcionar condições às Forças Arma-
das para terem mais efetivos e um estatuto mais adequado às missões que desempenham, no exterior ou em apoio das autoridades civis em território nacional”.

Invocando a condição de Comandante Supremo das Forças Armadas e dirigindo-se aos militares, o Presidente da República afirmou: “acompanho dia-a-dia as vossas preocupações, partilho dia-a-dia as vossas alegrias e desgostos, agradeço dia-a-dia a vossa dedicação a Portugal, orgulho-me das Forças Armadas que temos e são verdadeiramente o retrato de Portugal”, e que “tem a certeza que mais e mais”, desde os cidadãos aos seus máximos responsáveis, “todos nós saberemos compreender nos próximos anos, muito mais do que nas décadas que passaram, que não basta termos orgulho nas nossas Forças Armadas. É preciso estarmos todos à altura desse orgulho que proclamamos”.

Depois do desfile das Forças em Parada, o Almirante CEMGFA, o Ministro da Administração Interna, o Ministro da Defesa Nacional e o Presidente da República depositaram coroas de flores na estátua de Nuno Álvares Pereira, tendo a cerimónia encerrado com a Homenagem aos Militares Mortos em Campanha que encerrou a Cerimónia Militar.

Gerar artigo em pdf
2019-12-15
953-954
21
21
REVISTA MILITAR @ 2020
by CMG Armando Dias Correia